sábado, 11 de fevereiro de 2012

SEM INSPIRAÇÃO

TÁ DIFÍCIL ESCREVER AQUI....




AGUARDEMOS MARÇO!!!


SANDRÃO

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

O BRASIL DO "BBB" - BURRICE BASEADA EM BESTEIROL

Pois é...demorou mas saiu! E quero começar o ano "indagando" os "apreciadores" do programa "Big Brother Brasil". Nem quero gastar tantos caracteres falando sobre o assunto. Não vale apena dar tanto Ibope! 

Gente boa, gente querida. Não é possível que muitos de nós, não consigamos nos ocupar com coisas mais enriquecedoras à alma e ao intelecto do que o programa conduzido por Pedro Bial, que, na minha humilde opinião, até é um cara  inteligente, já, o programa ... misericórdia!!!! Valha-me Deus!!!

Um programa que só vende sensualidade (não era bem esse o adjetivo que queria usar, mas vou manter o nível; tem crianças na sala), alienação, entorpecimento, preconceito, e ainda arranca dinheiro do povo (tem gente que gasta com Pay-per-view, para acompanhar 24 horas) não pode ser levado a sério, e não pode ter a audiência dessa nação, tão carente de CULTURA!

Sou muito mais assistir ao Silvio Santos e seus joguinhos, do que gastar minha energia (e a energia fornecida pela AES) vendo a pobreza de espírito e incultura deste "programinha de 6ª categoria".

Pior ainda é constatar que muitos pais permitem que seus filhos, na mais tenra idade, se ocupem com esse amontoado de "insumo". Isso não é educar!!!

Estamos formando uma geração de alienados, idiotados, despreparados e despreocupados com o futuro (com raríssimas exceções), pois não temos tido o cuidado de oferecer aos nossos filhos, bons programas, bons livros, cultura, e não os estimulamos ao envolvimento com questões que REALMENTE são relevantes.

Acorda Brasil!!!!!!!

Sandro Bueno

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

E 2011 SE FOI...

Preciso registrar aqui que 2011 foi um ano de muito aprendizado, reflexões sobre a vida, maior proximidade com minha família, novas e valiosas amizades e algumas rupturas. Quanto às rupturas humanas, não me gabo, espero que sejam passageiras, pois não tenho ódio de gente. Quanto às institucionais, foram necessárias. Espero que para o bem de todos os envolvidos.  

Quanto ao meu coração, se é que ainda cabe, vi meu amor crescer pelos meus mais chegados: Debora e Murilo. A 1ª, minha esposa, a cada dia, é mais fascinante, mais amiga, mais engraçada, menos encucada, mais amante da vida, mais serena. Parece não perceber o mundo "enturbilhado" à sua volta, tamanha a pacificação da sua alma. Se cabe um conselho, deveríamos aprender mais com gente assim, que não negocia sua consciência com os problemas, embora os tenha. Nada a afeta ao ponto de tirá-la do sério. Como não canso de repetir: ela é um anjo, só pode ser!

O 2º, meu filho, é apaixonante. Simples como ninguém na sua idade, me entrega sempre um sorriso de graça, um beijo e um abraço desinteressado, e diz: "Papai, eu amo muito você viu?". (Ele só tem 5 aninhos). Parece conhecer meu coração "ouriçado" pelo inconformismo que me abate, por ver tanta injustiça, em tantos lugares, por tantos meios, vindo de tanta gente, contra tantos que não mereciam. Fazer o que?? Esse mundo é sombrio mesmo!!!

Foi um ano de uma notícia maravilhosa. Na última consulta do meu pai referente ao seu tratamento, fui com ele. Ele muito preocupado em ter que repetir as TERRÍVEIS seções do tratamento (acho que equivalentes a uma quimioterapia). Chegamos cedo; esperamos 4 longas horas para o atendimento (normal em se tratando de Brasil e serviço público). Chega a vez dele. De fato, foi a vez do meu pai. Depois de tanto cacete na vida (perdoem-me a expressão), o médico diz: "Sr. Walter: a contagem do vírus está ZERADA. O senhor está curado. Meu pai, quase caiu da cadeira; eu, segurei-me como um valente para não chorar. Foram anos de muita apreensão, dor, viagens, choro, incertezas, e, de repente, uma notícia dessas às vésperas do Natal???!!! Só Deus mesmo para nos presentear assim!!!

Pode ser que a notícia tenha prazo de validade. A doença é grave e pode atacar a qualquer instante. Mas valeu, pois ela também pode ser definitiva. Importante agora, é que ele está convivendo FELIZ DEMAIS com a nova fase, com a expectativa de, daqui a 4 meses repetir os exames, e, continuando ZERADO quanto ao vírus, ter que fazer apenas manutenções anuais. É a glória para quem viveu um verdadeiro calvário nos últimos anos. Deus te abençoe paizão!!! Eu amo você muuuuiiiitooooooo!!!!!

Obrigado 2011. Você é um ano que me lembrarei sempre, com muita alegria, independente dos momentos bons ou ruins. Foi bom ter aprendido a ser eu novamente. A me reconhecer como aprendiz e não como "pronto"; a amar minha família como ela merece; reaprender o "olhar para os lados"; desmistificar coisas que me oprimiam por tantos anos, e tantas coisas mais. Valeu sobremaneira pela saúde do meu pai.

Mas, tem um "senão" em "você 2011": a Rê está longe demais, e faz uma falta desgraçada aqui. Que droga!!!! Porque tão longe??!!! Ela, as meninas, e até o bicudo do Marcelinho, fazem muita falta aqui.

Tá bom vai!! Tá sendo bom prá ela, para as meninas e o querido Marcelinho. Eles estão crescendo, amadurecendo, tendo novas e boas experiências, enfim, estão felizes pelas novas conquistas. Tá bom mais uma vez, pô!!! Enxerguei que a amo mais do que eu discernia com minha mente finita!!! Isso é bom.

Então, que venha 2012! Que eu possa vivê-lo com toda sabedoria, humildade, solidariedade, amor, trabalho e honestidade do meu ser. No mais, só virá aquilo que o Pai permitir; isso basta!!!

Adeus 2011. Obrigado por tudo!!

Beijo mundo!!!

Sandro Bueno
http://amigodopensar.blogspot.com



segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

O PONTAPÉ INICIAL

Oi Gente;

De primeira mão, quero agradecer aos que me inspiram a discernir a vida e a "botar no papel" o que penso, seja em forma de crítica, comentário, descrição, anedota, enfim, o que couber para me manifestar e não ficar alheio à vida que se passa "no entorno".

Decide criar um novo blog para tratar de assuntos diversos, e reservar o outro (www.meditai.blogspot.com) para tratar apenas das questões relativas à minha fé, embora, em tudo que eu faça, o solo que caminho, é o da fé em Jesus.


Todos os que cito abaixo, de alguma forma, me ajudam a pensar: seja através dos seus textos, da sua arte, das conversas que temos, da sua postura como gente, ou da simples convivência e observação. 

Minha mais singela homenagem à vocês!!


  • Debora Andrade e Murilo Bueno (meus amores);
  • Eduardo Marinho;
  • Rafael Bueno, Malú Bueno, Rê Bueno, Si Bueno e Walter Bueno; 
  • Moisés Lourenço; 
  • Marcelinho;
  • Thiago Bueno; 
  • Felix Romanos;
  • André Rocca;
  • Duda Rocca;
  • Maurício Simões (Salsicha)
  • Claudio Tamarozi; 
  • Luciano Lacerda;
  • Silvia Rangel;
  • Andréia Silveira.


Sem bajulações, apenas sendo grato.

Sandro Bueno